Governador do Piauí anuncia lockdown no Estado

Pandemia

Governador do Piauí anuncia lockdown no Estado

Divulgação

O governador do Piauí, Wellington Dias (PT), anunciou nesta segunda-feira, 22, que todas as atividades presenciais no Estado até o dia 7 de março. Devem funcionar apenas serviços essenciais.

A decisão foi tomada depois de identificar ocupação de mais 90% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), com risco de colapso na rede de saúde. Wellington Dias não divulgou o decreto, mas atencipou algumas medidas do " lockdown pacial".

Os bares, restaurantes e comércio devem suspendem o atendimento presencial, apenas por delivery.

Não podem funcionar 

*Atividades religiosas de forma presencial – missas e cultos;

*Suspensos atividades em parques, praias e espaços que podem gerar aglomerações;

*Atividades físicas em academias de ginásticas; Proibidos as realizações de festas, shows, atividades culturais e esportivas; 

*Ficam suspensas as atividades presenciais em todos os órgãos públicos e irão funcionar apenas 30% de atividades presenciais de servidores;  

*Suspende aulas presenciais e ficam apenas as remotas; 


Funcionam

*mercearias, mercadinhos, mercados, supermercados, hipermercados, padarias; 

* farmácias, drogarias, produtos sanitários e de limpeza;

*lavanderias; 

* postos revendedores de combustíveis, distribuidoras de gás, oficinas mecânicas e borracharias; 

*lojas de conveniência e de produtos alimentícios, situadas em rodovias e BRs, na zona rural; 

*hotéis, com atendimento exclusivo dos hóspedes; 

*distribuidoras (exceto de bebidas alcoólicas) e transportadoras; 

*serviços de segurança e vigilância;

* serviços de alimentação preparada e bebidas exclusivamente para sistema de delivery ou drive-thru;

*bancos, serviços financeiros e lotéricas;

 * serviços de telecomunicação, processamento de dados, call center e imprensa; 

*transportes de passageiros; XIII – hospitais e laboratórios;

*prestação de serviços de atividades físicas.


Fonte: site Cidade Verde