Camilo rebate críticas de ministro da Saúde em relação ao passaporte de vacinação

Queiroga esteve hoje em Fortaleza para fechar um contrato para realização de capacitações pela Associação Peter Pan.

Camilo rebate críticas de ministro da Saúde em relação ao passaporte de vacinação

Redes sociais

O governador Camilo Santana (PT) reagiu na noite desta sexta-feira, 12, as críticas do ministro da Saúde Marcelo Queiroga.

Queiroga esteve hoje em Fortaleza para fechar um contrato para realização de capacitações pela Associação Peter Pan.

Na oportunidade, o ministro criticou o passaporte de vacinação anunciada pelo governador Camilo Santana,  que entra em vigor a partir desta segunda-feira, 15.

A medida do novo decreto estadual obriga os estabelecimentos comerciais exijam o comprovante de vacina contra Covid para os clientes.

Marcelo Queiroga disse que acha "absolutamente desnecessário a cobrança do passaporte ". Ele afirmou que a população de Fortaleza está 85% vacinada.

Camilo usou suas redes sociais para responder os ataques a determinação do governo do Ceará no combate à pandemia. Mesmo sem citar o nome do ministro da Saúde. 

"Sobre o Passaporte da Vacina, reafirmo o que sempre disse desde o início da pandemia: jamais terei medo de tomar qualquer medida que seja necessária para salvar vidas. Sempre seguindo a ciência e, jamais, os negacionistas, que podem me criticar e atacar à vontade. Perdem tempo", escreveu Camilo.