Mesmo após denúncia de sobrepreço de ônibus escolares pelo FNDE, pregão será realizado

O Ministério Público no TCU (Tribunal de Contas da União) já tinha pedido a suspensão. 

Mesmo após denúncia de sobrepreço de ônibus escolares pelo FNDE, pregão será realizado

Reprodução/redes sociais

Mesmos após a denúncia de sobrepreço em relação a compra de ônibus escolares pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), ligado ao Ministério da Educação, o pregão será realizado eletronicamente nesta terça-feira, 5.

O Ministério Público no TCU (Tribunal de Contas da União) já tinha pedido a suspensão. 

Segundo o Jornal Estadão, o  FNDE se propôs pagar até R$ 480 mil por um ônibus, que está avaliado em R$ 270 mil. Com esse cálculo, o valor final de R$ 1,3 bilhão para R$ 2.045 bilhões, com um aumento de até 55% ou R$ 732 milhões. 

O objetivo do pregão eletrônico é adquirir até 3.850 veículos, que vai fazer parte do programa Caminho da Escola.