Movimento vidas da Câmara de Fortaleza leva vocalistas da Banda A Loba para o Bairro Ellery

Prevenção às drogas

Movimento vidas da Câmara de Fortaleza leva vocalistas da Banda A Loba para o Bairro Ellery

Divulgação

O Movimento Vidas realiza o segundo Dia D do projeto de prevenção às drogas neste sábado, 09, na Praça Manoel Dias Macedo, no Bairro Ellery. Os cantores Luan Andrade e Mel Rios, vocalistas da Banda A Loba, participam de uma roda de conversa com os jovens da região e falam da trajetória de sucesso da dupla.

O produtor de conteúdo Diego Jovino, criador da página Fortaleza Ordinária, também participa do evento. A iniciativa tem o objetivo de apresentar histórias de vidas vencedoras que possam inspirar novos caminhos para a juventude, sem passar pelo uso do uso de álcool e outras drogas.

O projeto é fruto de uma parceria entre a Câmara Municipal de Fortaleza e a Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, com realização do Sistema Verdes Mares. Ao todo, estão previstos cinco encontros em diferentes bairros de Fortaleza até o fim deste ano.

Realizado aos sábados, o Dia D encerra as ações de mobilização promovidas pelo Movimento Vidas, que conta com uma extensa programação de formação e aproximação com a juventude nos bairros alcançados pelo projeto. 

O primeiro evento foi realizado no último dia 9 de novembro no Polo de Lazer do Conjunto Esperança e contou com a participação do técnico Dunga, que comandou a Seleção Brasileira.


Dinâmica 


Ao longo de toda a semana, são realizadas rodas de conversa e oficinas de DJ e grafitagem em escolas, igrejas e equipamentos públicos da região selecionada, a fim de discutir com a juventude caminhos alternativos e formas de prevenção ao uso de drogas lícitas e ilícitas.


Durante o encontro do sábado, os participantes têm a oportunidade de apresentar os resultados das oficinas, além de participar de um bate-papo com convidados especiais que vieram da periferia e compartilham trajetórias bem-sucedidas em áreas como educação, esporte, cultura e empreendedorismo.


O projeto também oferta serviços à comunidade, como corte de cabelo, emissão do passe livre do idoso, cadastro de qualificação profissional e atendimento médico. Os bairros que receberão a ação foram definidos por sorteio, levando em consideração o grau de vulnerabilidade da região, a partir dos dados de violência e o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). 


Além das ações nos bairros, direcionadas aos jovens, o Movimento Vidas conta ainda com um curso de capacitação na modalidade de Ensino a Distância (EAD) de 40 horas/aula, voltado para formação de agentes sociais e outros multiplicadores, com inscrições gratuitas pelo site diariodonordeste.com.br/movimentovidas. 


Serviço

Dia D - Movimento Vidas

Onde: Rua Almeida Filho, s/n – Bairro Elery

Quando: Neste sábado (9/11), às 9h