Camarão causou problema em Bolsonaro, diz médico

Ele estava internado desde segunda-feira, 3, no Hospital Vila Nova Star em São Paulo. 

O presidente da República Jair Bolsonaro (PL) deixou o hospital na manhã desta quarta-feira, 5. Ele estava internado desde segunda-feira, 3, no Hospital Vila Nova Star em São Paulo. 

Bolsonaro deu entrada na unidade hospitalar com uma obstrução interna na região. 

Em coletiva de imprensa, o médico Antônio Macedo, que acompanha o presidente desde de 2018, revelou que o problema da obstrução foi ocasionado por ingestão de camarão não mastigado.

O presidente disse aos jornalistas:

"Eu não almoço, eu engulo. A peixada tinha uns camarõezinhos também, comi e mastiguei o peixe e comi o camarão", disse Bolsonaro.

O médico reforçou a fala de Bolsonaro:

"O camarão não foi mastigado, é o que ele tá explicando. A gente pede pra que todos fazerem o que a gente faz: mastigar 15 vezes cada garfada", completou Macedo.