Presidente da Câmara, Rodrigo Maia defende corte de salário de deputados, Judiciário e Executivo

Justo

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia defende corte de salário de deputados, Judiciário e Executivo

Divulgação


O presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ), declarou nesta segunda-feira, 23, que é possível reduzir os salários dos deputados. Segundo ele, são necessários R$ 400 bilhões para combater o coronavírus no país. Para isso, é preciso da ajuda de todo poder público, incluindo integrantes do Legislativo, Judiciário e Executivo.

Em entrevista ao canal de Televisão CNN Brasil, Maia ressaltou que todos precisão dar sua parcela de contribuição.

" Os salários no nível federal são o dobro dos equivalentes do setor privado, todos com estabilidade pelo mandato ou concurso", disse Maia.


Rodrigo ainda reforçou sua opinião. " Na hora de organizar as despesas, o que gente pode controlar, é importante que todos os servidores,  os que têm mandato, contribuam. Não tenho dúvida nenhuma de que com a queda da arrecadação todos vão ter que colaborar", concluiu.


Custo

O salário bruto de deputados e senadores é de R$ 33,7. Somando os 594 parlamentares, o valor chega a pouco mais R$ 20 milhões.


Fonte: Terra